O Diário de Davi: preconceito racial, homofobia e bullying na escola

O Diário de Davi: preconceito racial, homofobia e bullying na escola”

Diversidade, inclusão e bullying na escola

Por Silvano Sulzart Bullying é uma situação que se caracteriza por agressões intencionais, verbais ou físicas, feitas de maneira repetitiva, por um ou mais alunos contra um ou mais colegas. Quem nunca sofreu Bullying no ambiente escolar? Como podemos combater a prática do Bullying em nossas escolas? Quais posturas professores, coordenadores e diretores devem tomar em relação aos agressores? Foi pensando nestas questões que o autor Silvano Sulzart, que é pedagogo, psicopedagogo, Mestre em Educação e possui mais de 15 anos atuando como professor e coordenador pedagógico, escreveu o livro O Diário de Davi: preconceito racial, homofobia e bullying na Escola.

O livro o O Diário de Davi: preconceito racial, homofobia e bullying na escola

discute as múltiplas diferenças que nos constituem, e a diversidade presente no universo escolar, através da história de um garoto de 12 anos, negro, que está acima do peso, e constantemente sofre bullying na escola. Em seu diário, Davi narra as suas angústias, o dia a dia da escola, sua amizade com João, um aluno cadeirante e Telton Fradf, que sofre bullying homofóbico. A escola é o cenário desta história emocionante, em que professores, alunos e pais, se mobilizam para combater o bullying.

O livro é indicado para professores, pais, crianças e adolescentes. Aborda o bullying, a obesidade infantil, o preconceito racial, o ciberbullying, o bullying homofóbico e a inclusão escolar, de forma objetiva, tomando como base a Lei 13.185, que institui o Programa de Combate à Intimidação Sistemática (bullying), em todo o território nacional. Davi, em uma narrativa envolvente e singela, conta suas dores e dilemas. A história revelará como a amizade vence o medo, e a ternura e o perdão fazem brotar esperança, sonhos e novas relações, no espaço escolar.

Através da leitura deste livro, você será capaz de identificar se seus filhos ou alunos estão sendo vítimas de bullying, encontrará ainda pistas de como combater o bullying, dentro e fora do espaço escolar.

Silvano Sulzart, descreve neste livro, que para combater o Bullying a escola precisa desenvolver ações que fortaleçam a participação da família no espaço escolar, como também ouvir os alunos. O professor tem um papel importante, pois no ambiente escolar ele é uma das pessoas em que a vitima pode solicitar ajuda. Os alunos devem enxergar no professor alguém que possa protegê-lo. Quando um professor perceber uma situação de Bullying e não toma nenhuma iniciativa, ele esta colaborando para que outras situações de humilhação e constrangimento aumente no espaço escolar.  No livro O Diário de Davi, além de uma história envolvente e emocionante, o leitor vai ser conduzido a um processo de não invisibilizar as violências verbais, físicas e simbólicas que podem acontecer na escola.

 

Silvano Sulzart

Pedagogo Especialista em Psicopedagogia

Mestre em Educação – UNEB

E-mail: sulzarty@hotmail.com / blog: www.silvanosulzart.blogspot.com

 

Livro O Diário de Davi:preconceito Racial, homofobia e bullying na Escola

Editora: EDITORA CRV
Número de páginas: 82
Ano de Edição: 2016
Valor: 26,50