Pílulas Gramaticais: À medida que ou na medida em que

À medida que ou na medida em que?

À medida que e na medida em que atuam como conectivos e com isso unem orações. Porém, essas expressões são diferentes:

À medida que é uma locução conjuntiva proporcional, portanto, indica proporcionalidade: à proporção que. Uma oração que contenha “à medida que” é subordinada à principal e indica uma comparação com a mesma de aumento, diminuição ou igualdade.

 

Exemplos

  • À medida que lemos, nosso vocabulário enriquece.
  • Ele foi se acalmando à medida que as boas notícias chegavam.
  • À medida que o tempo passa, ele fica mais exigente.

 

Na medida em que é uma locução conjuntiva causal, indica relação de causa e consequência. Equivale a uma vez que, porque, já que.

 

Exemplos

  • Nós precisamos ler mais na medida em que crescemos, pois temos maior entendimento ao passar dos anos.
  • Devemos estar atentos, na medida em que, certamente, enfrentaremos situações adversas.
  • A convivência entre os grupos étnicos rivais só será possível, na medida em que todos eles se respeitarem.

 

Não se esqueça:

– À medida que significa “à proporção que”, “conforme”.

À medida em que NÃO EXISTE!

– Na medida em que corresponde a “tendo em vista que”, “já que”, “uma vez que”.

 

Quer saber mais clique aqui e veja a aula do Professor Ricardo Erse.