A mulher na janela de A.J. Finn acena com clássicos antigos de Hitchcock

A mulher na janela de A.J. Finn

A mulher na janela (tradução literal) promete ser o combustível que impulsiona a literatura para a estratosfera em 2018. A.J. Finn é o pseudônimo de Daniel Mallory, um editor de ficção de mistério de longa data e autor da obra.

Mallory editou algumas novelas de Agatha Christie. O autor conhece muito bem os elementos diabólicos de Hitchcock, portanto, há pitadas interessantes que aguça a curiosidade de quem pretende ler a obra.

A mulher na janela traz Anna Fox  que espia os vizinhos. Passa o dia inteiro bebendo vinho, assistindo a filmes clássicos e lembrando de épocas melhores. Tinha uma família quase perfeita.

Nas suas espiadas pela janela ela vê algo que não deveria ter visto e seu mundinho desmorona. O que é real? O que é imaginado? Qual o risco? Quem está no controle?

Nesse thriller com pitadas de Hitchcock nada parece o que é, pois é um romance psicológico que promete deixar qualquer um com várias dúvidas.

Vamos aguardar o lançamento no Brasil!!

 

Book Trailler

 

DNA do Autor

Segundo a Editora HarperCollins Publishers, A. J. Finn já escreveu para inúmeras publicações, incluindo noo Los Angeles Times, o Washington Post, e o Suplemento Literário do Times (reino UNIDO). Um nativo de Nova York, Ele viveu na Inglaterra durante dez anos, antes de retornar para a Cidade de Nova York.

 *

Sobre a HarperCollins Publishers Brasil

“Sediada em Nova York, a HarperCollins Publishers é a segunda maior publicadora de livros comerciais do mundo. Foi fundada em 1817 e, em quase duzentos anos de história, cresceu, adquiriu novos parceiros e conquistou mais espaço no mercado. Hoje, a HarperCollins Publisher tem um catálogo impresso e digital que ultrapassa os 200 mil títulos, distribuídos em mais de 120 selos ao redor do mundo. Além disso, conta com operações em outros 18 países além do Brasil e publica 10 mil livros a cada ano, em 17 idiomas. Casa de autores consagrados como Mark Twain, Charles Dickens, Martin Luther King Jr., Emily Brontë, Agatha Christie, C.S. Lewis e Maurice Sendak, tem em seu catálogo diversos ganhadores dos prêmios Nobel, Pulitzer e National Book Award, das medalhas Newbery e Caldecott e do Man Booker Prize.”

 

Via HarperCollins Publishers Brasil

Via The New York Times

 

Comments

comments